Terça-feira, 14 de Outubro de 2008

Fita métrica do amor

Como se mede uma pessoa? Os tamanhos variam conforme o grau de envolvimento. Ela é enorme para você quando fala do que leu e viveu, quando trata você com carinho e respeito, quando olha nos olhos e sorri destravada.

É pequena para você quando só pensa em si mesma, quando se comporta de uma maneira pouco gentil, quando fracassa justamente no momento em que teria que demonstrar o que há de mais importante entre duas pessoas: a amizade.

Uma pessoa é gigante para você quando se interessa pela sua vida, quando busca alternativas para o seu crescimento, quando sonha junto. É pequena quando desvia do assunto.

Uma pessoa é grande quando perdoa, quando compreende, quando se coloca no lugar do outro, quando age não de acordo com o que esperam dela, mas de acordo com o que espera de si mesma.


Uma mesma pessoa pode aparentar grandeza ou miudeza dentro de um relacionamento, pode crescer ou decrescer num espaço de poucas semanas: será que ela que mudou ou será que o amor é traiçoeiro nas suas medições?

Uma decepção pode diminuir o tamanho de um amor que parecia ser grande. Uma ausência pode aumentar o tamanho de um amor que parecia ser ínfimo.

É difícil conviver com esta elasticidade: as pessoas se agigantam e se encolhem aos nossos olhos. Nosso julgamento é feito não através de centímetros e metros, e sim de ações e reações, de expectativas e frustrações. Uma pessoa é única ao estender a mão e, ao recolhê-la inesperadamente, se torna mais uma.

O egoísmo unifica os insignificantes.

Não é a altura, nem o peso, nem os músculos que tornam uma pessoa grande. É a sua sensibilidade sem tamanho.

publicado por TiBéu ( Isa) às 18:15
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De cuidandodemim a 14 de Outubro de 2008 às 19:23
Ora nem mais!
Se pudessemos medir a alma e o espírito, aí sim poderíamos ter uma ideia da grandeza da pessoa... Como não podemos, resta-nos medir não só as suas palavras, mas principalmente os seus comportamentos e as suas acções.
Bjns!
De Laura a 14 de Outubro de 2008 às 20:03
ola!
adorei o seu blogue, muito mesmo !
vou continuar a visitar.
adicionei a como amigo espero que nao se importe!
visite-me em www.umminutodehistorias.blogs.sapo.pt
obrigada!


De Subjectividades a 15 de Outubro de 2008 às 11:07
Olá Tibeu
Muito interessante este texto!
A grandeza das pessoas está na sua sensibilidade e esta efectivamente não se mede como não se mede o sentimento!
É tudo uma questão de sentir não achas só que eu penso que uma pessoa considerada grande, uma pessoa com sensibilidade tem capacidade para entender todas as pessoas menores, para entender que sendo menores agora nada impede que se tornem grandes.
É tudo uma questão de aprendizagem, de tempo, de vivências.

Bjinho
De Blogadinha a 15 de Outubro de 2008 às 19:05
Bom texto, bonita visão.

Tibéu... és GRANDE!!!
E como diz o outro:

"'tás cá () dentro!"

Bjinho e boa semana.
De ** minhas estrelas ** a 19 de Outubro de 2008 às 18:02
Ola amiga
Huuummm adorei este teu texto e como adorei vou levar e guardar no meus favoritos porque so retrata a verdade dos nossos sentimentos.
beijos doces
uma boa semana

Comentar post

mais sobre mim

pesquisar

 

Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28

posts recentes

Abóbora

Faça acontecer

É Mais Fácil Assim

Amigos

Pessoas são Presentes

Guarde

Desejo

Um dia eu vou...

Fale bem da vida!

Muito bom nem sempre é ót...

Presente de Natal

...

Carta ao Pai Natal

Estrelas do Mar

Você estará cansado

O valor da persistência

Você não precisa disso

Quando as coisas vão mal

Avalie melhor suas prior...

"A FORMIGA E A FOLHA"

Doar

Dê mais um passo !!

Transtorno e frustação

Você tem sorte ?

Focalize sua mente no suc...

Seja você mesmo

D I L E M A

imagine

Você é resultado daquilo ...

Ensinando o cavalo a voar

O destino de cada um

: Acerte o alvo

Como fazer um amor durar

Sucesso sempre

Mais ou menos

A auto-imagem que você te...

Em busca do tempo

Profissão Mãe ...

A auto-imagem que você t...

Ouse fazer

Mais bonitas do que sarda...

Saudades de outro Tempo

Hoje fica uma dica muito ...

BOM ANO

Cota do "sim" e do "não"

UM SANTO NATAL

Bambu chinês

O valor de um abraço

Motivos de ter felicidade

Sabedoria

arquivos

Fevereiro 2011

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

links

blogs SAPO